APROVEITAMENTO DAS SEMENTES DE GOIABA NA PRODUÇÃO DE COSMÉTICOS ESFOLIANTES

Autores

  • Jéssica Cristina de Pina Santos Universidade São Francisco
  • Camila Hikari Yonemura Universidade São Francisco
  • Ingrid Munhoz Universidade São Francisco
  • Iara Lúcia Tescarollo Universidade São Francisco

Palavras-chave:

Goiaba, sementes, cosméticos, sustentabilidade

Resumo

A goiaba (Psidium guajava L.) é uma planta natural das regiões tropicais e subtropicais, presente em todo território brasileiro. É composta por flavonoides, taninos, óleo essencial, produtos fenólicos, possuindo ação anti-inflamatória, antioxidante e antimicrobiana. Os resíduos da indústria da goiaba, sementes e cascas, podem ser úteis na formulação de cosméticos por causa da variedade de substâncias presentes. Foram desenvolvidos sabonetes em gel contendo 2% de pó de semente de goiaba como agente esfoliante disperso em diferentes polímeros formadores de gel. No teste de estabilidade preliminar foram avaliadas as características de aspecto, cor, odor, sensação tátil, pH, espalhabilidade e homogeneidade por centrifugação. As amostras também foram submetidas ao estudo microbiológico. Segundo resultados foi possível produzir sabonetes esfoliantes em gel com pó de sementes de goiaba.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALLAQABAND, S. et al. Utilization of fruit seed-based bioactive compounds for formulating the nutraceuticals and functional food: A review. Frontiers in Nutrition, v. 9, p. 1020, 2022.

ALLEMAND, A. G. S. Formulações em cosmetologia. Porto Alegre: Sagah, 2018.

BARBOSA, H. M.; TESCAROLLO, I.L. Produção de géis com extrato seco de Cúrcuma Longa: estudo preliminar de estabilidade e avaliação sensorial. In: Ciências da Saúde: Da Teoria à Prática.10 ed. Grossa: Atena, 2019, v.10, p. 217-232. Disponível em: https://www.atenaeditora.com.br/catalogo/post/producao-de-geis-com-extrato-seco-de-curcuma-longa-estudo-preliminar-de-estabilidade-e-avaliacao-sensorial . Acesso em: 23 abr. 2023.

BORGHETTI, G. S.; KNORST, M. T. Desenvolvimento e avaliação da estabilidade física de loções O/A contendo filtros solares. Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas, vol. 42, n. 4, out./dez., 2006.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Farmacopeia Brasileira, vol. 1, Brasília: Anvisa, 2019. 546p

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Gerência Geral de Cosméticos. Guia de Estabilidade de Produtos Cosméticos. Brasília: ANVISA, 2004, 52p.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Gerência Geral de Cosméticos. Guia de Controle de Qualidade de Produtos Cosméticos. Brasília: ANVISA, 2008, 120p.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução da Diretoria - RDC N° 753, de 19de setembro de 2022. Dispõe sobre a definição, a classificação, os requisitos técnicos para rotulagem e embalagem, os parâmetros para controle microbiológico, bem como os requisitos técnicos e procedimentos para a regularização de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes. Diário Oficial da União, Brasília, DF, set, 2022.

BRASIL. Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução RDC N° 481, de 23 de setembro de 1999. Estabelece os parâmetros de controle microbiológico para produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes. Diário Oficial da União, Brasília, DF, set., 1999.

DARLENSKI, R.; FLUHR, J.W. Measurement of skin surface acidity: measuring skin pH. Agache's Measuring the Skin: Non-invasive Investigations, Physiology, Normal Constants, p. 113-120, 2017.

EL ANANY, Ayman Mohammed. Nutritional composition, antinutritional factors, bioactive compounds and antioxidant activity of guava seeds (Psidium Myrtaceae) as affected by roasting processes. Journal of Food Science and Technology, v. 52, p. 2175-2183, 2015.

FERREIRA A.O.; BRANDÃO, M.; POLONI, H.C. Guia Prático da Farmácia Magistral. 5a. ed. São Paulo: Pharmabooks; 2018.

GUIA ABC. Controle microbiológico na indústria de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes. São Paulo: Associação Brasileira de Cosmetologia, 2008.

GUTIÉRREZ, R. M. P.; MITCHELL, S.; SOLIS, R. V. Psidium guajava: A review of its traditional uses, phytochemistry and pharmacology. Journal of Ethnopharmacology, v. 117, p. 1–27, 2008.

JOSEPH, B.; PRIYA, R.M. Phytochemical and Biopharmaceutical Aspects of Psidium guajava (L.) Essential Oil: A Review. Research Journal of Medicinal Plants, 5: 432-442, 2011.

MANISH, K. et al. Formulation and Evaluation of Anti-Acne Face Wash Gel using Guava Seed Extract. Journal of Drug Delivery and Therapeutics, v. 9, n. 3, p. 5-7, 2019.

MARIOD, Abdalbasit Adam et al. Effects of roasting and boiling on the chemical composition, amino acids and oil stability of safflower seeds. International journal of food science & technology, v. 47, n. 8, p. 1737-1743, 2012.

MOTA, M. D. et al. Guava-fruit extract can improve the UV-protection efficiency of synthetic filters in sunscreen formulations. Journal of Photochemistry & Photobiology, B: Biology, vol. 201, 2019.

NASCIMENTO, R.J.; ARAÚJO, C.R.; MELO, E. A. Atividade antioxidante de extratos de resíduo agroindustrial de goiaba (Psidium guajava l.). Alimentos e Nutrição, v. 21, n. 2, p. 209-216. 2010.

OLIVEIRA, N. P.; ROCHA, M. F. L.; TESCAROLLO, I. L. Esfoliante formulado com pó de café como alternativa ao uso de microesferas de plástico. INTERFACEHS (ED. PORTUGUÊS), v.15, p.82 - 93, 2020. Disponível em: http://www3.sp.senac.br/hotsites/blogs/InterfacEHS/wp-content/uploads/2020/06/Artigo-6.pdf. Acesso em: 23 abr. 2023.

PEREIRA, T. J. E.; SANTOS, V. C. M. M.; TESCAROLLO, I. L. Produção e aplicações do pó da casca de romã em cosméticos. In: Engenharia moderna: soluções para problemas da sociedade e da indústria 3.3 ed. Ponta Grossa: Atena, 2022, v.3, p. 20-35. Disponível em: https://www.atenaeditora.com.br/catalogo/post/producao-de-cosmeceuticos-com-oleo-de-cafe-para-prevencao-do-fotoenvelhecimento. Acesso em: 23 abr. 2023.

PERES, L. P. A.; DIAS, I. L. T. Desenvolvimento e avaliação de formulações em gel para veiculação de ácido salicílico. Revista Multidisciplinar da Saúde, Ano III, nº 05, 2011.

PETERLE, J. P. Estudo da atividade cicatrizante de hidrogel contendo β-cariofileno nano emulsionado. Porto Alegre, 2017.

QA’DAN, F. et al. The Antimicrobial Activities of Psidium guajava and Juglans regia Leaf Extracts to Acne-Developing Organisms. The American Journal of Chinese Medicine, vol. 33, n. 2, p. 197–204, 2005.

RIBEIRO, C. Cosmetologia Aplicada a Dermoestética 2a edição. São Paulo: Pharmabooks, 2010.

ROWE, R. C.; SHESKEY, P. J.; OWEN, S. C. Handbook of pharmaceutical excipients. Libros Digitales-Pharmaceutical Press, 2009.

SANTOS, C. X. Caracterização físico-química e análise da composição química da semente de goiaba oriunda de resíduos agroindustriais. UESB, Itapetinga, BA, 2011.

SOUZA, G.S.; FERREIRA, A. J.; TESCAROLLO, I. L. Hidrogéis para incorporação de óleo de melaleuca em dermocosméticos para acne. In: Farmácia e Promoção da Saúde.1 ed. Ponta Grossa: Atena Editora, 2020, v.1, p. 44-56. Disponível em: https://www.atenaeditora.com.br/catalogo/post/hidrogeis-para-incorporacao-de-oleo-de-melaleuca-em-dermocosmeticos-para-acne. Acesso em: 23 abr. 2023.

SOUZA, W. F. C. de et al. Exploiting the chemical composition of essential oils from Psidium cattleianum and Psidium guajava and its antimicrobial and antioxidant properties. Journal of food science, v. 86, n. 10, p. 4637-4649, 2021.

UCHÔA-THOMAZ, A. M. A. et al. Chemical composition, fatty acid profile and bioactive compounds of guava seeds (Psidium guajava L.). Food Science and Technology, v. 34, p. 485-492, 2014.

WANG, L. et al. Chemical compositions, antioxidant and antimicrobial activities of essential oil of Psidium guajava L. leaves from different geographic regions in China. Chemistry & biodiversity, vol. 14, n. 9, 2017.

Downloads

Publicado

2023-12-18

Como Citar

de Pina Santos, J. C., Hikari Yonemura, C., Munhoz, I., & Tescarollo, I. L. (2023). APROVEITAMENTO DAS SEMENTES DE GOIABA NA PRODUÇÃO DE COSMÉTICOS ESFOLIANTES. Ensaios USF, 7(2). Recuperado de https://ensaios.usf.edu.br/ensaios/article/view/354

Edição

Seção

Ciências Biológicas e da Saúde